TORNANDO UM PROJETO VIÁVEL

 

Ajudar o outro e receber algo em troca. Algo muito simples da cultura do ser humano, que agora ganha força em nossa rotina com a expansão da internet. O crowfunding, ou financiamento coletivo, tem o objetivo de realização de projetos através da união de diversos colaboradores que através de doações possibilitam ao projeto sair do papel, ou das cabeça de seus realizadores.

Mas afinal o que é financiamento coletivo? Resumindo rapidamente, podemos dizer que é uma espécie de vaquinha virtual onde pessoas apoiam financeiramente projetos criativos em troca de recompensas que variam de acordo com o valor contribuído. Se o orçamento total for atingido, o projeto recebe o dinheiro arrecadado e é posto em prática. Se o valor não for atingido, as pessoas recebem sua contribuição de volta.

Diversos artistas já utilizaram desta nova forma de produção de conteúdos para viabilização de suas obras. Entre eles, podemos lembrar do premiado álbum de Vitor Ramil (Foi no Mês que Vem), o último disco de Nei Lisboa (A vida inteira) e o último trabalho de estúdio da banda Raimundos (Cantigas de roda), que atingiu 200% do seu orçamento original. Porém, não são apenas os CD’s são objetos deste tipo de projeto, muitos videoclipes começam a sair do papel a partir desta nova possibilidade de financiamento. Foi assim que nós da Colateral Filmes fomos apresentados a esta nova forma de viabilização de trabalhos.

Tudo começou no ano passado, quando o diretor Filipe Barros e a produtora Baxada Nacional nos chamaram para co-produção do vídeo “Tugboat”, segundo single do álbum Lots in the tropics da banda Lautmusik. Esta experiência abriu nossos olhos para novas perspectivas e hoje elas se tornam mais uma possibilidade para os nossos clientes músicos. Mais um projeto foi colocado no forno do site Catarse (um dos sites de crowdfunding mais conhecidos do país) e precisa da sua ajuda para virar realizada. Estamos falando do novo videoclipe da banda Rosa Tattooada TARDES DE OUTONO.

A canção é uma dos clássicos da banda, porém nunca foi contemplada com um videoclipe ao longo dos 25 anos de história da Rosa… Como forma de presentear os fãs, a banda regravou a canção com um novo arranjo no seu mais recente CD intitulado “XXV”. Agora, a banda uniu forças com a Colateral Filmes para realização do seu projeto mais audacioso, mas, para isso, precisa da ajuda de vocês! Quer saber como ajudar? Acessa o site e faça parte deste o time de colaboradores: http://catarse.me/pt/tardesdeoutono.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s